30.7.14

Don't Say Goodbye - 63

1





Acordei com minha cabeça explodindo, não por causa da bebida, até por que eu não bebi, não que eu não podia e sim por que hoje eu tinha planos, passei a mão sobre meu lado e senti Justin, me virei o fitando, ele dormia calmamente, mas sua face mostrava uma pessoa cansada, ele bebeu demais, ficou louco a ponto de quase fazer stripe, mas logo dei um remédio e ele dormiu em seguida, mas antes ele deixou sua marca no banheiro, o vomitou todo, mas normal, já fiz coisas piores quando estava no Brasil, a festa durou até quase 6 da manhã, mas foi boa, não posso negar. Levantei com cuidado tentando não acordar Justin mas tentantival Fail.

- onde vai?-perguntou sem ainda abrir os olhos.
- tomar banho.
- que horas são?- olhei no relógio.
- 9 horas.
- é cedo, volta pra cama- pediu me puxando.
- não amor, eu preciso ir no hospital.
- afz- bufou me soltando.- como sempre essa chatice.
- Justin, para- ele abrir seus olhos e me fitou.
- quando vai poder ficar um tempo comigo?-perguntou e eu ri.
- amor eu estou de férias, só que eu vou para uma consulta.
- do que?
- do bebê?
- E nem me avisa? nossa também te amo- disse levantando.
- foi mal, você tava tão lindo dormindo- falei o abraçando.
- mentirosa- disse ele indo até o banheiro.
- EI, eu ia primeiro- falei incrédula e ele riu entrando no mesmo.

Bufei indo até o closet e separando a roupa que eu usaria, arrumei meus documentos e logo Justin saiu do banheiro indo pegar sua roupa que havia no closet, sim, no meu cloet. Entrei no banheiro me despindo e entrando no box, após um rapido banho vesti a roupa e assim desci me juntando a Justin que já comia seu café da manhã, cereais. A casa estava uma zona.

- vamos ter trabalho- disse ele fitando a bagunça.
- nos não, até por que quando eles forem arrumar não vamos estar aqui- disse o fazendo rir.

....

- ( Seu Nome) - chamou Anahi, a médica que faria meu pré natal.

Eu e Justin nos levantamos a seguindo até sua sala.

- como anda o bebê?-perguntou.
- bem.
- anda se alimentando bem?
- uhum.
- vem

Me deitei na cama e logo ela começou as coisas para usar o ultrasom que logo ligou.

- já podemos ver o sexo?-perguntou Justin.
- não, só com 4 meses- respondi fazendo Anahi rir.
- será bom para você, já que entende.
- pois é.
- O bebê esta ótimo- falou ela.
- quantos meses?-perguntei.
- 2 meses ainda, mas passa rapido.
- percebesse- disse sorrindo.

Limpei o gel que havia em minha barriga e logo voltamos a nos sentar.

- vou passar um remédio para dor caso sentir, é como cólica, mas um pouco pior, também quero vou passar algumas vitaminas que você tem pouca e tente não fazer esforço.
- ok.

Ela fez a receita e logo saimos dali.

- amor, passa na farmácia- ele assentiu.
- deixa que eu vou- falou ele já estacionando e logo saindo do carro.

Após ele sair não deu segundos seu celular que tinha ficado ali começou a tocar, o peguei e vi que era Ryan.

- alo?- disse após antender.
- já estão chegando?-perguntou,
- uma meia hora já estamos ai, por que?
- nada não, é que você acordamos e vocês não estavam em casa.
- ah sim, nos fomos para uma consulta minha.
- entendi, vou desligar, tenho que começar a arrumar.
- acho bom- disse rindo e em seguida desligando.
- quem era?-perguntou Justin entrando no carro e me entregando uma sacola.
- Ryan, ele queria saber onde estavamos.
- hmnm.

Ele deu partida e logo já seguiamos para Stratford novamente. Logo que chegamos em casa já estava quase tudo arrumado, mas ainda faltava algumas coisas então eu e Justin acamos indo ajudar, estava limpando o chão da cozinha quando fui levantar para lavar o pano uma forte tontura me bateu me fazendo segurar rapidamente no balcão.

- ok, respira e inspira- disse para mim mesma enquanto fazia isso, até que adianta um pouco.

Puxei a cadeira me sentando e assim fiquei por alguns minutos até a tontura sair, mas meu estomago para ajudar revirou me fazendo ficar enjoada, fechei os olhos respirando fundo e levantando, voltei a limpar mas desta vez devagar, para não passar mais mal. Após terminar a cozinha comecei a limpar a sala, o povo estava todo na area da piscina já que a festa foi la, eu apenas estava dando uma geral na casa que também estava uma coisa.

- amiga, você viu o balde vermelho?-perguntou Cait entrando mas logo parou me fitando.- você esta bem?-perguntou em fitando preocupada.
- estou, por que não estaria?-perguntei.
- você esta pálida- disse ela vindo até mim.
- o que?-perguntei me levantando, mas não foi a melhor escolha.

Logo que levantei acabei escorregando e caindo no chão fazendo a tontura voltar, me levantei um pouco desgovernada fazendo Cait me segurar.

- é melhor você parar, até por que você esta gravida, não pode ficar levantando e se abaixando- falou ela.- JUSTIN- chamou ele que logo apareceu.
- o que foi?-perguntou mas logo arregalou os olhos ao me fitar.- o que aconteceu?
- leva ela pro quarto, ela não ta muito bem.

Ele assentiu me segurando e logo me colocando no colo e assim me levou até meu quarto me deitando na cama.

- você esta bem?-perguntou.
- uhum, só estou um pouco tonta.
- quer tomar o remédio?

Assenti e ele logo trouxe com um copo da água e assim tomei.

- vou la terminar de ajudar eles, qualquer coisa grita, ok?

Assenti novamente e ele saiu, me ajeitei na cama fechando os olhos e caindo no sono em seguida.Acordei algumas horas depois, para falar a verdade já era denoite, e não eu não acordei sozinha e sim com Amber e Olivia entrando.

- desculpe acordar você mas nos queriamos conversar- disse elas e eu assenti me ajeitando na cama.
- aconteceu alguma coisa?-perguntei.
- você sabe que nos passamos mais tempo na casa dos meninos do que aqui, certo?
- sim.
- então, no começo da semana eles nos convidaram para morar com eles- falou Olivia.
- wow, isso é bom, certo?
- sim, mas e você?-perguntou.- não queremos te deixa sozinha, principalmente agora.
- por favor né, eu já tenho 22 anos, posso me virar.
- mas você esta gravida- falou Amber.
- Gravida e não morta, podem ir, não se preocupem comigo.
- sério?-perguntaram juntas me fazendo sorrir.
- é claro, estou feliz por vocês.

E assim elas me abraçaram, minhas bebes estão crescendo.


Um comentário: