21.5.14

Unconditionally - 17

12





Justin Bieber P.O.V

Será que era verdade? Sera mesmo que ela voltou para mim? Parecia um sonho, depois de 2 anos ela estava mesmo de volta? Isso é impossivel, pelo menos em meus pensamentos. Como será que ela esta? Será que ela mudou? Cresceu? amadureceu? Namorou nesses dois anos? Ficou com alguém? Se apaixonou? Ou será que ela continua me amando? como sera que vai ser daqui para frente?Será que iremos voltar? Ou ficar apenas na amizade? Ai jesus, tantas perguntas passam pela minha mente neste momento que nem percebi que estava encostado ao lado da porta da direção, sozinho enquanto o povo estava no corredor. Voltei para a terra e sai caminhando, quando ia passar pela porta ouvi uma voz suave e doce dizer meu nome.

- Justin?

Rapidamente congelei, eu sabia quem era. Me virei devagar e logo tive a vista de uma bela mulher,sim, era ela, Sn, ou melhor. Minha SN.

( Seu Nome) Montibeller P.O.V

Depois de quase meia hora dentro daquela sala finalmente me liberaram.

- Entenderam? Estou muito feliz de ter-la conosco novamente, sei que aprontas mas você é uma ótima aluna- disse ela a mim.

- obrigada.

- bom, vamos?- perguntou meu pai a mim e eu assenti.

Ele abriu a porta e me deu espaço, mal passei meu olhar para o lado de fora e já avistei um garoto de costas, eu reconheceria aquelas costas em qualquer lugar, moletom do basquete largo, calça caindo, supras. Sim, era ele, porém estava mais alto e bom, parecia estar muito mais maduro, e deus que me perdoe mas estava muito mais gostoso e só observando de costas. Meu coração estava a mil e sem deixar escapar nenhum segundo o chamei.

- Justin?- o chamei calmamente.

Ele parou rapidamente e em segundos se virou devagar e logo já nos encontravamos cara a cara, sim, ele havia mudado, e MUITO. Em segundos já me encontrava com os olhos cheios de lagrimas, não estava acreditando, que depois de 2 anos eu estava revendo-o, ele, o amor da minha vida. Pode ter passado anos, mas nunca o esqueci, nunca esqueci do rosto angelical, da voz rouca, o jeito delicado de me tratar, mesmo me trantando mal no final do relacionamento eu continuava o amando, de toda a forma.

- vai lá- sussurrou meu pai a mim.

E antes que eu pudesse pensar fui empurrada para cima do mesmo que rapidamente "correu" até mim e em segundos um choque me tomou, depois de dois anos, estava novamente em seus braços. Ele continuava com o mesmo cheiro, a mesma delicadeza. TUDO, meu homem estava ali, diante de mim.

- nunca mais, nunca mais de deixe- disse ele segurando meu rosto entre as lagrimas e em seguida me selou.

Quando seus labios tocaram os meus novamente um choque me tomou mas também um sentimento de alegria, satisfação.

Mas, era real? isso mesmo estava acontecendo? Ou era apenas coisa de minha imaginação?

Continua?
Gente eu estou sem criatividade para as outras fics, se eu pensar em algo eu ´posto se não eu posto só amanha e mais uma coisa.
EU NÃO APANHEI!! SÉRIO,EU RECEBI MINHAS NOTAS HOJE E BOM, tirei um 5 em sociologia mas a diretora disse que era normal e era uma nota exmplar para uma aluna que nunca teve essa materia, mas de boa. :333 Estou tão feliz que Jesus amado.
Bom, é isso, até mais tarde ou amanhã, Bieberkiss

12 comentários: